ALÉM DE SUPERPREÇOS, COMPARATIVAMENTRE À EUROPA

ALÉM DE SUPERPREÇOS, COMPARATIVAMENTRE À EUROPA

Laboratórios sonegam fornecimentos de medicamentos, cuja razão o anunciado adiamento do aumento previsto, até então, para último dia 1°. do mês corrente, que governo federal disse existir “acordo” com a indústria farmacêutica instalada no Brasil para adiamento, que, conforme comprovado através de tentativas de aquisição de manufaturas junto a dezenas de farmácias situadas em Belo Horizonte — exemplo a droga “Dastene” –, claro cometimento de CRIME gravíssimo contra economia popular, in casu, lezão ao Consumidor, indubitavelmente.
João Silva de Souza
(fundador da Ass. Def. Direitos do Consumidor – 1989 – eventual interessado no mencionado produto)