D E S C O M P O S T U R A

D E S C O M P O S T U R A

Eu, missionário, modesto e voluntarioso-escritor (autodesembolso), imagino necessárias posses mínimas de alguns predicados (lucidez, elegância) a quem expõe ponto-de-vista ou informação, principalmente no formato gráfico, porque registro escrito, quase sempre, não permite retratação (conserto) eficiente a desfazimento do teor registrado eletrônico ou impresso. Esse procedimento do agente (promotor público-SP) do Estado brasileiro calha (encaixa), justamente, no capítulo incluído na precoce 2a. edição do nosso recém-lançado livro REFLEXOS COTIDIANOS — aparecerá brevemente –, no qual há resumida esplanação das características gritantes desse fenômeno chamado PODER (público e privado), inclusive enumeração dos ingredientes da sua real composição de corpo. 

João S. Souza

https://catracalivre.com.br/