MÃO na CONSCIÊNCIA

MÃO na CONSCIÊNCIA

Eu, isento de interesse pessoal (causa própria), afirmo, desde antes, todas profissões são respeitáveis, contudo, dentre as quais destaco alguns ofícios como imprescindíveis, salvo eventual (possível) lapso: Professor, Médico, Advogado (excluam-se cretinos e mornos deliberados), e não é (será) difícil intuir a razão desta presente afirmação, pois, independentemente de quanto cada indivíduo ou grupo po$$ui, é assistido por um desses profissionais, no tempo e necessidade, inclusive feito algumas vezes sob condições de alto risco pessoal, isto, todo perímetro Terra.
Ad argumentandum, experimentação de apenas uma agrura (ignorância-literal, doença e desacertos com ‘sorte’ etc.) o suficiente à conscientização frente a realidade presente entre nós todos patrícios-planetários! 
João S. Souza